Design em movimento

Belíssimas mesas transparentes cujo pé é um animal esculpido de madeira. Design e arte! Confira no texto do nosso blogueiro Rodrigo GarciaDemorei, mas apareci, galera! Esta semana trago novidades para todos que gostam de arte, seja ela de que modo for. Recentemente, li sobre um artista bastante interessante, o Derek Pearce, designer e escultor britânico que revela com seu trabalho mesas que simulam animais que saem da água, como hipopótamos, golfinhos e sapos. É um trabalho bastante particular, pois as peças que produz acabam se tornando objetos de decoração únicos. São esculturas feitas muitas vezes diretamente na madeira. As obras de Derek Pearce são bastante conhecidas por artistas de rock, celebridades e afins. Mas seus trabalhos não se resumem a mesas; ele cria também casas e vários tipos de estruturas de mobiliário com esse mesmo material. Curti muito pelo fato de mostrar alguns animais esculpidos, e não embalsamados, assim muitos podem deixar de serem caçados para decorarem salas daqueles que matam bichos para mostrar seu status social. [caption id="attachment_10559" align="alignleft" width="150"]mesa_foca-DerekPearce Foca submergindo na obra de Pearce[/caption] Por outro lado, espero que as madeiras usadas não sejam de árvores cortadas indiscriminadamente, pois aí toda a sua obra de arte seria uma contradição, pois como um interessado em arte, creio que a questão da sustentabilidade necessita de uma reflexão considerável durante o processo criativo. Um outro dado importante sobre as obras é o  seu valor; quem tiver interesse em ter uma dessas mesas em casa terá que desembolsar mais ou menos 3 mil libras (aproximadamente R$ 12.300), um preço salgado para se por “à mesa” nas condições atuais em que o Brasil se encontra, mas, como disse, quem é aficionado e pode pagar, aí está uma dica interessante. Boa semana a todos!  

 Ajude 1 Papo Reto a continuar divulgando as grandes iniciativas em ESG, inovação e empreendedorismo de impacto social: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou faça uma DOAÇÃO