Catalyst 2030 Brasil: economia regenerativa é a chave para o crescimento

Catalyst 2030 Brasil: economia regenerativa é a chave para o crescimento

Por assessoria de imprensa do Catalyst2030, especial para COALIZÃO VERDE (1 PAPO RETONEO MONDO e O MUNDO QUE QUEREMOS) 

À medida que o mundo enfrenta a crescente desigualdade de riqueza e anomalias de temperatura sem precedentes, a economia social oferece um caminho para um sistema econômico mais inclusivo e sustentável. Reconhecendo a importância desse setor, o Fórum Econômico Mundial, a Schwab Foundation, o Catalyst 2030 e a Aliança pelo Impacto têm o prazer de anunciar a próxima mesa redonda de alto nível sobre “Unlocking the Impact Economy” (Desbloqueando a Economia de Impacto), em parceria com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC).

O encontro acontece na quarta-feira (8/11), a partir das 15 horas, e reunirá aproximadamente 50 tomadores de decisão do governo, de empresas e de empreendimentos sociais para discutir o papel crucial da economia de impacto no Brasil e sua contribuição para os objetivos do governo de promover a inclusão, a equidade e um sistema econômico regenerativo. Essa mesa redonda tem o objetivo de mostrar a liderança do Brasil na economia social global.

Ela será realizada no Dia Global da Inovação Social, um dia de ação coletiva mundial para marcar a inovação e o impacto social, promover um senso de ação colaborativa, impulsionar o impacto e celebrar o progresso. Atividades estão sendo organizadas em todo o mundo para comemorar o dia, incluindo o Catalyst 2030's Awards for Systemic Change, que reconhece inovadores no governo, agências doadoras e corporações que projetam soluções transformadoras para enfrentar desafios sistêmicos.

Durante o evento, o Fórum Econômico Mundial apresentará uma versão em português de seu relatório, intitulado "Unlocking the Social Economy" (Desbloqueando a Economia Social), para o vice-presidente do Brasil, Geraldo Alckmin. O documento lança luz sobre o potencial da economia social, que atualmente responde por cerca de 7% do PIB global e até 12% das taxas de emprego em determinados países. 

O movimento Catalyst 2030 Brasil - capítulo brasileiro do movimento global Catalyst 2030 - adaptou o relatório à realidade do país com casos práticos do ecossistema nacional que podem inspirar outros países de língua portuguesa e latinos. "Em um momento da história em que a belicosidade está aumentando e várias guerras estão acontecendo, o papel dos empreendedores sociais é mais necessário do que nunca para promover o diálogo e a colaboração entre diferentes atores, além de fronteiras e ideologias", afirma Gisela Solymos, chair do Catalyst 2030 Brasil. "O relatório “Unlocking Social Economy” destaca a importância do empreendedorismo social para a economia do Brasil e oferece recomendações concretas de políticas para fortalecer essa economia, promovendo o diálogo com as empresas e o governo."

O relatório descreve cinco estratégias principais que os governos podem implementar para liberar o potencial da economia social:

- Reconhecer e criar novas estruturas

- Criar incentivos para financiamento e investimento

- Expandir a educação e a pesquisa

- Tornar os canais de compras públicas e privadas mais inclusivos

- Coletar e compartilhar dados sobre o impacto social

O Brasil tomou medidas significativas em todas essas cinco áreas com a adoção do decreto presidencial ENIMPACTO, lançado em agosto. Isso demonstra o compromisso do governo em conciliar o crescimento econômico com a inclusão social, tornando-a uma das principais prioridades da presidência brasileira do G20 em 2024.

"Estamos honrados em colaborar com parceiros estimados e com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços do Brasil nesta importante mesa redonda", disse François Bonnici, Diretor de Fundações do Fórum Econômico Mundial. "A economia social tem o potencial de remodelar nosso cenário econômico, colocando as pessoas e o planeta em primeiro plano. Este encontro servirá como uma plataforma para discutir estratégias e soluções, impulsionando a inovação e a colaboração para um futuro mais inclusivo e sustentável."

A mesa redonda Unlocking the Impact Economy sinaliza um poderoso passo à frente na abordagem dos desafios globais por meio da economia social, com o Brasil liderando esse movimento. Os participantes desse evento terão a oportunidade de se envolver em discussões significativas, desenvolvendo soluções práticas que podem impulsionar mudanças transformadoras.

 

Leia mais sobre o relatório  aqui 

Mais informações sobre o Catalyst 2030 Brasil, entre em contato com Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. 

Coalizão Verde

Autor: Coalizão Verde

Sobre o/a Autor(a) Coalizão Verde é a união dos portais de notícias Neo Mondo, O mundo que queremos e 1 Papo Reto com o objetivo de maximizar os esforços na cobertura de temas ligados à preservação ambiental.


Últimos artigos: